Product Listing Ads ou PLAs, Como Utilizar?

PLAs

PLAs

Desde que foram lançados em 2010 os PLAs (ou Product Listing Ads) abriram uma nova oportunidade para os clientes de e-commerce que utilizam o Google Adwords em todo canto. Eles trouxeram a imagem do produto para a busca do Google. Antigamente a busca era composta apenas por resultados de anúncios de texto e algumas repostas da busca orgânica de sites ou imagens. Com as PLAs é como se o consumidor se encontrasse de frente para a prateleira da loja do varejista e o que é melhor, essa prateleira contém exatamente o que o cliente buscou.

Faça o teste e busque por algum produto que lhe interessa. Os PLAs devem aparecer do lado direito dos resultados principais da busca. Eles ficam na mesma altura das três posições principais de anúncios de texto do Adwords. Ou seja, lugar de grande destaque no espaço publicitário do Google. Normalmente, as imagens dos produtos já vem acompanhadas do preço e do nome da loja que está anunciando, facilitando bastante para o cliente.

O Google permite que o anunciante tenha um anúncio de texto listado na página de busca, uma listagem de seu site na busca orgânica e uma ou mais listagens na área de PLAs ao mesmo tempo. Se o produto que você está anunciando na área de PLAs não é muito concorrido, o Google permite que você tenha, até mesmo, a prateleira toda para sua loja. De qualquer maneira, ter as PLAs acompanhadas de anúncios tradicionais de texto lhe darão o dobro de visibilidade na busca paga. Se você é um e-commerce a melhor coisa a fazer é tirar vantagem disso agora mesmo.

Como começar?

Os PLAs aparecem quando um termo buscado é relevante para o seu produto, isso é determinado pelo seu feed no Merchant Center. Se seu feed estiver mal feito ou fora dos padrões do Google as chances de aparecer na busca serão pequenas. Para garantir que seus Product Listing Ads sejam acionados é importante que a descrição e nomes dos produtos no seu feed do Merchant estejam corretos. Por exemplo, tenha certeza que o título do produto no Merchant corresponde ao nome pelo qual os clientes vão buscá-lo no Google.

Também é importante ter certeza que você está mantendo seu feed atualizado. Todos os novos produtos devem ser adicionados e os que não existem mais, devem ser deletados. Mantenha seu feed o mais relevante possível. Imagine aqui que o mesmo tratamento que você dá aos seus anúncios de texto devem ser desprendidos para seus PLAs. Ou seja seja relevante!

Se você ainda não tem uma conta no Google Merchant, corra e apronte isso o mais rápido possível. Essa conta será linkada com sua conta do Adwords onde a campanha e grupos de anúncio serão montados em seguida.

Selecione o Targeting

Existe uma maneira padrão de selecionar o target de sua campanha para “todos os produtos”. Isso significa que você vai ter um grupo de anúncios puxando seu feed todo do Merchant. Apesar de ser a maneira mais rápida e fácil de configurar sua campanha, nós recomendamos uma configuração mais detalhada e granular usando os métodos mais específicos do Google Adwords.

A ferramenta de autotarget permite que você separe os produtos de seu feed utilizando diferentes atributos. A vantagem desse tipo de estratégia é que você pode controlar melhor quais produtos aparecem para os termos buscados. Existem 6 atributos diferentes que podem ser usados para acionar os seu PLA: Id (do produto), Tipo do produto, Marca, Condição, Labels do Adwords e grupos do Adwords. O atributo deve ser escolhido baseado em seu feed e objetivos.

Agora você pode ser granular ao ponto de fazer um grupo de anúncio por produto do seu feed usando o target ID. Em alguns casos, apesar de ser o mais trabalhoso, esse tipo de target pode funcionar muito bem. Porém, se preferir pode usar o target por marca e observar como uma marca performa em relação as outras. Por exemplo, vamos supor que você vende óculos de sol. Pode montar um grupo de anúncios para Oakley e outro para Ray-Ban e com o tempo otimizar de acordo com os resultados.

Outra maneira mais abrangente de montar o feed é através dos tipos de produto. Voltando ao exemplo do óculos, vamos supor que você escolhe montar um grupo com o tipo de produto óculos de grau e no outro óculos de sol. Você vai ter menos granularidade, já que seu PLA vai ativar tanto Ray-Ban de sol quanto Oakley de sol. Porém, não deixa de ser um tipo interessante de target a ser testado e analisado, afinal você descobrir que Oakley performa bem melhor do que Ray-Ban para estes Product Listing Ads.

As campanhas de PLAs não possuem palavras-chave, afinal elas são acionados através do seu feed do Merchant. Porém, os termos que estão acionando seus grupos de anúncios podem ser encontrados da mesma forma que encontramos os termos de pesquisa das campanhas de texto. Basta checar o relatório e voi lá!